sexta-feira, 9 de outubro de 2009

OBAMA - NOBEL DA PAZ FAJUTO


Depois que Paulo Coelho ingressou na Academia Brasileira de Letras eu acredito em tudo. De papai noel a coelhinho da páscoa.

O prêmio Nobel, quem diria, acaba de entrar no rol das armações internacionais ao conferir a Obama o prêmio Nobel de paz. A mídia é forte mesmo.

As redes de informação tentaram inutilmente justificar tal premiação, usando argumentos fálicos, tal como a tentativa de inibir o avanço de armas nucleares. O que os americanos estão preocupados, isto sim, é com o Iran, inimigo declarado e que está a desenvolver seu arsenal atômico, tal como os EUA, Rússia, China, França, índia, Paquistão. Se Obama estivesse empenhado no total desarmamento atômico, tudo bem, seria sim motivo para ser o homem da paz 2009.

Barack retirou uma parte insignificante de soldados do Iraque, mesmo porque já estava previsto desde seu antecessor e engrossou o contingente americano no Afeganistão enviando àquele país milhares de soldados.

No Oriente Médio, a situação continua bélica. Sempre como intermediários entre Judeus e Palestinos, os EUA, denotadamente aliado a Israel permanece como péssimo conselheiro e suspeito árbitro.

E que Obana fez para merecer? Martin Luther King, René Cassin, Andrey Bakharov, Madre Tereza de Calcutá, entre outros, certamente se reviraram no túmulo.

Há que considerar que não é a primeira vez que tal prêmio é agraciado infortunadamente. Henry Kissinger, Shimon Peres, Yitzahak Rabin, Jimmy Carter também levaram. Viva a mídia !!!

7 comentários:

Anônimo disse...

Mengão - 2
Palmeira - o

Sueli disse...

Olá, também me questiono sobre quais critérios se escolhe uma ganhador do Prêmio Nobel da Paz. Não faço idéia. Precisaria saber para analisar. Mas, fiquei contente em saber que você também está aqui na blogosfera. Ficarei muito honrada com sua visita no meu blog. Abração! Sueli

Edna Feitosa disse...

Bom dia, Archi!
Pronto! Encontrei um Blog com críticas inteligentes e fundamentadas em dados convincentes.
Perfeita sua análise política e até o seu questionamento sobre o Paulo Coelho (o Sandy Junior da literatura) foi ótima!
Parabéns!
Já sei o que farei nesse final de semana: vou ler muito aqui, pois além de muito prazerosa a leitura pela sua maneira de se expressar, é uma fonte pura de cultura. Gostei demais da conta!
Um abração!
Edna

mariafenix disse...

Muito bom ler algo interessante e que me faça refletir sobre questões que temos de ter entendimento amplo e pelo que pude observar você sabe transmitir com tranquidade e propriedade.
Maria
Petrolina PE

vanda disse...

Ola professor.....hoje com mais tempo entrei para poder ler com maior tranquilidade suas postagens.....quantos aos critérios para escolha do prêmio Nobel da Paz é fácil se chegar neles:
- Os valores do mundo hoje são outros!
De acordo com a filosofia de Nobel, a política do comitê Nobel da Paz visa recompensar os esforços daqueles que lutam em favor do entendimento entre as nações.Então entendo assim que
os olhos de quem analisa as indicações hoje não veem o sentido dessa politíca.
É até paradoxal colocar um presidente que deixa seus jovens lutares... morrerem por razões políticas e interesses internos.É isso aiiiiii não sei se consegu me expressar...gostaria da sua opinião
abraços

Anônimo disse...

Querido Sábio

Concordo com vc ... fiquei espantada ... afinal ele ainda nem mostrou o que veio fazer .... por enquanto apenas suaves mudanças....

Colei abaixo um texto/carta de um blog ....

Presidente Barack Obama: .... encaminho à sua consideração a possibilidade de responder a algumas perguntinhas, não só ao blog, mas quem sabe ao mundo, agora também na condição de ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2009. Vamos a elas:

1 – Qual o número de ogivas nucleares ainda guardadas em arsenais norte americanos?
2 – Por qual motivo o seu governo não condena o Estado de Israel por possuir armas nucleares, quando se condena a República do Irã a evitá-las?
3 – Por quê enviar mais 25 mil soldados ao Afeganistão?
4 – Por quê não retirar as tropas norte americanas do Afeganistão e do Iraque?
5 – Por quê manter o ignominioso bloqueio econômico a Cuba?
6 – Por quê não fechar a base militar de Guantánamo em território cubano?
7 – Por quê aumentar o número de bases militares na Colômbia?
8 – Por quê não condenar efetivamente o golpe militar contra o governo eleito democraticamente do senhor Manuel Zelaya em Honduras?
9 – Por quê reativar a IVª frota da Marinha de Guerra norte americana para operar no Atlântico Sul?
10 – Diante destas perguntas, por qual motivo o senhor não recusou o prêmio Nobel da Paz, na sua versão de 2009?

Izaías Almada, escritor, dramaturgo e colunista do Blog Rodapé.

Beijo
Saudade.
Bela

Maria Luiza disse...

Sem comentários irmão..só mande o livro,por favor não esqueça,e me diga!!esta Feitosa será que é parente do Sr. Elias?bjs irmão TE AMO Iza.