quinta-feira, 24 de abril de 2008

A FARSA DA CRISE DE ALIMENTOS

O universo capitalista não perde tempo. Com as bolsas de valores despencando no Oriente e Ocidente, motivadas pelo sistema financeiro imobiliário dos EUA, os investidores se baldearam para as bolsas de mercadorias e já inventaram uma crise: a do abastecimento de produtos alimentícios.

Justificam os especuladores, tendo como escoras a grande mídia engajada e ignara, que a produção de biocombustíveis está a ocupar os espaços físicos da produção de grãos, principalmente o milho e o arroz.
É uma falácia.

Estão a ressuscitar Thomaz Malthus (1 766 – 1834). Este economista defendia a tese que a população cresce em progressão geometrica e os alimentos numa progressão aritmetica, onde, certamente haveria uma crise. No entanto o progresso no campo, alavancado pela tecnologia de adubos, fertilizantes e outras técnicas modernas, ainda pela revolução da agricultura mecanizada, fez cair por terra a teoria econômica que recebeu a alcunha da ciência lúgubre.
O que estamos a assitir no presente, com a tal falta de arroz e millho, é uma farsa provocada por especuladores, visto que os paises têm condições de triplicar a produção de alimentos e manter os programas de biocombustíveis em alta.
Enquanto isso os preços desses alimentos sobem em cadeia, eis que o milho é a base da alimentação de frangos, suinos entre outros.
Será que o Governo Lula sabe disso?

6 comentários:

requeri disse...

tom waits defende a tese que comer arroz ouvindo ele cantar fertiliza o cérebro. duvida??? pois então pense ... vc já tinha ouvido falar dele??? já tinha ouvido ele cantar??? viu??? pois, agora, só falta o arroz ... rsrs ... por falar em arroz e em milho, quer que eu te ensine a fazer um arroz com quirera??? é delicioso.

em verdade eu digo, se a gente não fica espertinha (o), um pouquinho que seja, eles passam um trator por dia sobre as nossas cabeças.

por issos e por aquilos ... rs ..., a minha - e de nós dois - teoria sobre o significado da cultura individual. ela é fundamental.
conhecer, por exemplo, um documentário chamado encontro com milton santos ou o mundo global visto do lado de cá realizado pelo cineasta/documentarista, silvio tendler, é um privilégio.
conhecer e ser apaixonada por milton santos e por cada palavra dele é outro privilégio. choro ao imaginar que ele pode ter morrido depois de conseguir dizer o mundo 100, 200, 1000 anos além do nosso tempo. isto me conforta assim como me conforta, sempre que tenho alguma inquietação em relação aos giros que o planeta dá, catar um texto dele, qualquer um, e ler, decifrando palavra por palavra, tentando entender melhor do que quando li da última vez.
por outro lado, fico puta se imaginar que ele teria mais o que dizer ...
ele é a minha referência diante de um apuro, diante de um dilema. por este motivo, corri pra ele quando li o seu texto ... milton santos é o meu moisés, com a vantagem de ser o autor, não apenas um mero divulgador de mandamentos pra humanidade.

busca milton santos no youtube. lá tem trechos do documentário do silvio: encontro com milton santos ou o mundo global visto do lado de cá ...

milton santos me ajuda a explicar e a entender tudo, até receita de bolo ou derrota do santos ... rsrs ... bjbjbjbjbj ... rê.

requeri disse...

na nossa hora esqueci de comentar: ce viu que tostaram o tosto??? o lawyer do maluf ... mais um do clã dos gatunos eficientes ... roubam e fazem ... então!!!

Anônimo disse...

Comam CROISSANT ....

Anônimo disse...

Querido Sábio

Adoro você , sabia ????

Falou tudo!!!!

Beijo.

Bela

Vanda disse...

Lógico que o "Burro" do seu presidente sabe Archimedes....nem precisava concluir seu artigo com esse questionamento....o Burro coloquei entre aspas porque de burro ele não tem nada ,pois foi tão esperto que chegou onde chegou certo???? Só vc que vota e não cobra kkkkk
falar em cobrar como vai seu livro???
Abraços
Vanda

requeri disse...

depois, cata a sua cadeirinha, senta na frente do meu rebloggando e, cachimbando gostoso, lê a minha mais recente honra ao rock'n roll. uma exuberância de quase 40 anos!!!

falando em cachimbar, o meu tá chegando ... nossas quatro mãos têm mais um ofício ... bj bj bj bj ... rê.